Vereadores contribuem no debate sobre o uso consciente da água

0
286
Março é popularmente conhecido pela música brasileira como o mês das águas. Mas não apenas pelo verso do compositor Tom Jobim, “são as águas de março fechando o verão”, mas também pelo dia 22 ser celebrado o Dia Mundial da Água.
No mês, diversos setores da sociedade realizam fóruns e outros eventos para debater o uso consciente da água e como garantir o acesso do cidadão a este importante recurso.
Há algum tempo, a Câmara Municipal de Itapevi vem discutindo o uso da água em plenário. Já tramitaram pela casa projetos que viraram leis municipais, como a 2.001/10, proposta pelos ex-vereadores Bolor e Teco, que instituiu o programa de conservação e uso racional da água nas edificações da cidade.
Outra lei municipal é a 2.344/15, que instituiu o Dia Municipal da Água, pelo qual a prefeitura deve realizar ações de conscientização do uso da água. A propositura é de autoria do vereador Gordo Cardoso (PSDB).
Em outra frente os vereadores Yacer (PSB) e Professora Camila (PSB) solicitaram estudos da prefeitura para implantação de reservatórios para água da chuva nas escolas municipais. Segundo os parlamentares, a medida pode reforçar as ações de consumo consciente, além de ser uma forma de reaproveitamento da água.
Já os vereadores Professor Rafael (Pode), Gordo Cardoso (PSDB) e Tininha (PSD) aprestaram requerimentos solicitando da Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp) o envio da carreta “Somos Água” para Itapevi. A carreta é laboratório interativa que utiliza realidade virtual e cinema de imersão total para promover atividades voltadas a educação ambiental.
A Casa de Lei também aprovou em plenário pedidos destinados ao prolongamento da rede de abastecimento de água e da rede coletora de esgoto em diferentes bairros, além do tratamento do esgoto doméstico.