Câmara de Itapevi promove audiência para debater racismo intersetorial

0
73


Na última quarta-feira, dia 23 de novembro, ocorreu a 7ª audiência pública dos “Direitos da População Afrodescendente e o Combate ao Racismo em Itapevi”, promovida pela Comissão Permanente de Justiça e Redação. O tema foi voltado às formas de prevenção ao Racismo Intersetorial.

O encontro teve o objetivo de analisar políticas públicas desenvolvidas pelo Estado e municípios na correção das desigualdades de raça, além de estimular a reflexão cidadã no combate ao racismo e quanto a ações que universais impactam de forma diferente brancos e negros.

Fizeram uso da palavra a representante da Comissão de Promoção da Igualdade Racial, Fernanda Brito De Oliveira, a psicóloga do CREAS de Itapevi, Jacqueline Dias Santos, a professora no Núcleo Pedagógico de Itapevi, Sinara Vicente, o secretário-adjunto da Secretaria Municipal de Cultura e Juventude, Professor Lázaro Toledo Queiroz Filho, dos vereadores Mariza Martins Borges e Rogério Moreira dos Santos, ambos Comissão Permanente de Direitos Humanos, e da vereadora Tininha, primeira-secretária da Câmara de Itapevi, e do presidente da UNEGRO de Itapevi, Jaime Bonfim.

Este ciclo de audiências é uma iniciativa da Comissão Permanente de Justiça e Redação, sob a condução do vereador Aparecido, e também conta com o apoio e organização da Comissão da Promoção da Igualdade Racial – Proracial da Prefeitura, da Comissão da Igualdade Racial da OAB em Itapevi, da Unidade de Direitos Humanos da Ouvidoria Geral e da Coordenadoria do Processo legislativo da Câmara de Itapevi.


A oitava audiência pública está agendada para o dia 30 de novembro, das 9h às 12h, quando será debatido o tema “Por que a Mulher Preta Empoderada Incomoda Tanto?”.


Perdeu a audiência? Confira tudo no canal da TV Câmara no Youtube.