Conheça os novos requerimentos aprovados pela Câmara para beneficiar Itapevi

Confira os requerimentos aprovadas na sessão desta terça-feira, dia 21 de março, para beneficiar a cidade em várias áreas e diferentes regiões de Itapevi:

 

Prof.ª Camila Godói:

Req. 225 –  Solicita atendimento Pediátrico e Ortopédico 24hs nos Pronto-Socorros do Cardoso e de Amador Bueno. (Apensos Requerimentos. 431, 342).

Req. 226 – Solicita que Secretaria da Saúde do Estado de São Paulo faça uma redistribuição de vagas no Hospital Geral de Itapevi.

Req. 228 – Solicita informações sobre o cronograma de entrega da construção do Ginásio Poliesportivo para pessoas com deficiência.

Req. 239 – Solicita a instituição do Mutirão de Visão no Calendário Oficial de Itapevi para crianças da Rede Pública de Ensino.

 

Prof.ª Camila Godói e Yasser Kourani:

Req. 134 – Solicita estudos sobre a possibilidade de doação de sobras de materiais de construção para pessoas carentes.

 

Prof. Paulinho:

Req. 106 – Requer a inclusão do município no Programa Mais Médicos feito pelo Governo Federal.

Req. 376 – Solicita a implantação de centros de formação profissional para pessoas portadoras de deficiência.

Req. 391 – Solicita a implantação de uma unidade do CRAS, no bairro jardim São Carlos (Apenso Req. 551)

Req. 138 – Solicita que o Executivo informe sobre as providências adotadas em relação ao Projeto de Lei, que disponha sobre o programa “Cidade Limpa”.

 

Anderson Cavanha – Bruxão do Táxi:

Req. 223 – Solicita informações quanto ao andamento dos Estudos para Construção de uma Creche na área que foi revogada a concessão de direito real de uso (Lei Municipal 436 de 30 de novembro de 1981).

Bruxão do Táxi e Chambinho:

Req. 543 – Requer a criação da Coordenadoria Municipal de Direitos das Pessoas com Deficiência em Itapevi.

 

Chambinho:

Req. 381 – Requer a conclusão das obras pavimentação Asfáltica de da Estrada Lucinda de Jesus.

Req. 329 –Requer a implantação do programa Creche Escola no bairro do Jardim Rosemary.

Req. 332 – Requer a implantação de uma Unidade do Senai (Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial) em Itapevi (Apenso Req. 393).

Req. 339 – Requer convênio com o Sesc (Serviço Social de Comércio de São Paulo) para a implantação de uma Unidade do Sesc em Itapevi (Sesc Itapevi).

Req. 341 – Requer convênio com AACD (Associação de Assistência à Criança com Deficiência), com o intuito de fornecer, adaptar e revisar produtos ortopédicos, gratuitamente, aos moradores com deficiência da cidade.

Req. 343 – Requer a criação de um Projeto de Transporte Especial para Pessoas com Deficiência, intitulado "Atende Itapevi".

 

Zeca da Piscina:

Req. 338 – Solicita a criação de Campanha Gratuita de Castração de Animais em Itapevi (Apenso Req. 101).

 

Tininha:

Req. 340 – Requer atendimento de fisioterapia e fonoaudiologia na UBS de São Carlos.

Req. 347 – Requeiro informações do presidente da Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano (CDHU), sobre a possibilidade de realizar uma revitalização de todas as unidades de CDHU de Itapevi.

 

 

 

 

 

 

 

APAE participa da sessão na Câmara no Dia Internacional da Síndrome de Down

Alunos da APAE de Itapevi participaram da sessão ordinária desta terça-feira, dia 21 de março, por ocasião do Dia Internacional da Síndrome de Down. Dentre os 365 dias do ano, o “21/03” foi inteligentemente escolhido porque a Síndrome de Down é uma alteração genética no cromossomo “21”, que deve ser formado por um par, mas no caso das pessoas com a síndrome, aparece com “3” exemplares (trissomia). A ideia surgiu na Down Syndrome Internacional, na pessoa do geneticista da Universidade de Genebra, Stylianos E. Antonorakis, e foi referendada pela Organização das Nações Unidas em seu calendário oficial.

O presidente da Câmara, Anderson Cavanha (Bruxão do Táxi), chegou a suspender a sessão para que a diretora da APAE de Itapevi, Prof.ª Ditinha, fizesse uso da palavra. Os vereadores de Itapevi reconhecem a importância da luta pelo bem-estar, igualdade de direitos e inclusão dos portadores de Down na sociedade.

Na mesma sessão, os vereadores aprovaram requerimentos voltados para este público. De autoria do Prof. Paulinho, o Requerimento 376 propõe a implantação de centros de formação profissional para pessoas com deficiência.

A vereadora Prof.ª Camila Godoi solicitou informações através do Requerimento 228 sobre o cronograma de entrega da construção do Ginásio Poliesportivo para pessoas com deficiência.

Já o Requerimento nº 543, de autoria dos vereadores Bruxão e Chambinho, propõe a criação da Coordenadoria Municipal das Pessoas com Deficiência, uma luta antiga deste segmento sob a liderança do presidente do Instituto de Apoio aos Deficientes Levy de Lima (ADL), Lee de Lima.

Chambinho aprovou outros dois requerimentos (341 e 343), propondo convênio com AACD (Associação de Assistência à Criança com Deficiência), com o intuito de fornecer, adaptar e revisar produtos ortopédicos, gratuitamente, aos moradores com deficiência da cidade; e cobrando também estudos para inserir um Projeto de Transporte Especial para Pessoas com Deficiência, intitulado "Atende Itapevi".

Câmara de Itapevi realiza reunião preparatória da Audiência Pública da revisão do Plano Diretor

 

A Câmara Municipal recebeu na tarde desta quarta-feira, dia 15 de março, os secretários municipais Paula Pezzoni (Desenvolvimento Urbano e Meio Ambiente), Sonia Esteves (Habitação), Ramon Medrano (Infraestrutura e Serviços Urbanos) e Marcos Toledo (Planejamento e Gestão). A pauta da reunião foi a Audiência Pública para Revisão do Plano Diretor de Itapevi, que será realizada na Câmara Municipal no próximo dia 25, sábado (A partir das 9 horas).

Participaram também da reunião o presidente da Câmara, Anderson Cavanha (Bruxão do Táxi) e os vereadores Cícero Aparecido, Mariza, Zeca da Piscina, Eduardo Kiko, Yasser Kourani, Tininha e Thiaguinho.

Conforme informações do site da Prefeitura, o novo Plano Diretor visa definir crescimento da cidade pelos próximos 10 anos. O processo de revisão deve se estender até 2018, quando a Prefeitura tem de enviar à Câmara um Projeto de Lei consolidando as propostas apresentadas e discutidas pela população. O Plano Diretor com as novas diretrizes deve entrar em vigor a partir de 2019.

Itapevi ganhou seu primeiro Plano Diretor em 2008. Por lei, o documento tem de ser revisado a cada 10 anos.  

O processo de revisão deve se estender até 2018, quando a Prefeitura tem de enviar à Câmara um Projeto de Lei consolidando as propostas apresentadas e discutidas pela população. 

O Plano Diretor com as novas diretrizes deve entrar em vigor a partir de 2019.

 

O que é o Plano Diretor?

O Plano Diretor é um instrumento municipal para nortear o desenvolvimento das cidades.

Por meio dele, a população pode definir, por exemplo, se um determinado bairro poderá ter prédios muito altos. 

Ou, ainda, se uma região da cidade priorizará a construção de moradias e equipamentos públicos (como postos de saúde e escolas) em detrimento da instalação de comércios e indústrias.

 

Participação

A revisão do Plano Diretor contará com diversas oficinas participativas e audiências públicas para recolher as propostas da população. 

As oficinas servirão para formular propostas a partir de temas pré-selecionados e demandas específicas de determinadas áreas do município. 

Já as audiências, mais abrangentes, terão a missão de debater e deliberar sobre as propostas geradas nas oficinas. O cronograma dos demais encontros ainda será divulgado pela Prefeitura.

Para facilitar o debate, toda a revisão do Plano Diretor será dividida em quatro grandes temas:

- Habitação e Vulnerabilidade Social 

- Transporte e Mobilidade Urbana 

- Desenvolvimento Urbano e Instrumentos de Política Urbana

- Meio Ambiente, Saneamento e Desenvolvimento Sustentável

 

A população também poderá mandar sugestões por email, pelo endereço  O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

Vereador de Santana do Parnaíba, Pastor Ebenezé vista sessão da Câmara de Itapevi

O vereador Pastor Ebenezé, de Santana do Parnaíba, visitou a Câmara de Itapevi por ocasião da sessão ordinária deste terça-feira, dia 21 de março. O parlamentar foi recepcionado pelo presidente Anderson Cavanha (Bruxão do Táxi) e depois aproveitou para conhecer ações exitosas desenvolvidas pelo Legislativo itapeviense, como a Escola do Parlamento Dr. Osmar de Souza, pregão eletrônico e o programa Escola no Legislativo

Câmara recebe comissão que pleiteia Coordenadoria das Pessoas com Deficiência em Itapevi


O presidente da Câmara Municipal, vereador Anderson Cavanha (Bruxão do Táxi), recebeu na tarde de terça-feira, dia 14, uma comissão de representantes das pessoas com deficiência de Itapevi. Acompanhado pelo vereador Ivonildo Andrade da Hora (Chambinho), Bruxão recebeu das mãos de Lee de Lima, presidente do Instituto de Apoio aos Deficientes Levy de Lima (ADL), as reivindicações deste importante segmento, em especial a criação da Coordenadoria Municipal das Pessoas com Deficiência.

Segundo comentou o presidente do Instituto ADL, a referida coordenadoria visa unir os esforços em prol das pessoas com deficiência de Itapevi. “Trata-se de um compromisso de campanha do prefeito Igor Soares, que tenho confiança que será cumprido o quanto antes”, afirmou.

Os vereadores Bruxão do Táxi e Chambinho combinaram de apresentar um requerimento específico em conjunto para a criação da tão esperada coordenadoria. “Vamos propor que a coordenadoria seja criada para dar suporte ao poder executivo na articulação das secretarias municipais para promoção de ações que garantam a participação das pessoas com deficiência nas atividades de esporte, lazer, educação, cultura e geração de emprego”, comentou Bruxão.

Na avaliação do vereador Chambinho, a proposta é que a coordenadoria seja um canal de diálogo entre a sociedade civil e o poder público. “A Coordenadoria deverá desenvolver campanhas educativas, palestras, capacitação profissional, cartilhas com orientações sobre os tipos de deficiência e os respectivos serviços disponíveis e de apresentar novas propostas ao governo municipal”, sugeriu.